Suposta briga de bar termina em morte, no bairro Mutirão

Suposta briga de bar termina em morte, no bairro Mutirão

Adriano Pereira de Souza, 19, foi morto a facadas, na manhã desta sexta-feira (25), após uma suposta briga de bar, na Rua Ibicaré (antiga Rua Circular 2), no bairro Mutirão, zona leste da capital. A vítima sofreu quatro golpes, sendo dois no abdômen e mais dois nas costas.

De acordo com informações de policiais militares da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Adriano teria se desentendido no interior do bar chamado Boteco do Dimelu. Populares disseram, também, que três homens são suspeitos de participar da morte da vítima e que após o esfaqueamento, saíram correndo do local do crime.

Nas proximidades do bar, é possível observar pegadas com sangue e a faca que teria sido usada para o esfaqueamento. A polícia deteve, aproximadamente, dez homens no local e o Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros está na investigação do caso.

Três homens são mortos na madrugada desta segunda-feira (21) no Monte Horebe

Três homens são mortos na madrugada desta segunda-feira (21) no Monte Horebe

Três homens foram assassinados na madrugada desta segunda-feira (21) na Comunidade Monte Horebe, Conjunto Viver Melhor, bairro Lago Azul, Zona Norte.

Wendell Santana da Silva, 23 anos, foi morto a tiros em frente a sua residência. Jonh Kevin Ferreira Alves, 21 anos, foi morto na Rua Jerusalém, na Comunidade Monte Horebe. Alessandro Tiago de Jesus dos Santos, 23 anos, conhecido como “Lourinho”, foi encontrado morto deitado em uma rede, dentro de um barraco na Rua 7, também na Comunidade Monte Horebe.

Segundo informações da polícia, moradores ouviram tiros na madrugada. O primeiro a ser morto foi Wendell Santana. Homens não identificados o abordaram em frente ao bloco 37, do Conjunto Viver Melhor. Ele foi morto com três tiros no rosto, quatro no peito e dois nos ombros. Foram encontradas cápsulas de fuzil 762 e pistola Ponto 40.

Logo em seguida, o grupo de assassinos foi até a Rua Jerusalém, Comunidade Monte Horebe, lugar que fica próximo ao primeiro assassinato, para encontrar John Kevin. Ele estavam em sua casa com a mulher e uma filha de 3 anos. Os assassinos o chamaram, ele saiu de casa e foi levado para uma rua ao lado e, também, morto com fuzil 762 e pistola Ponto 40.

O último crime foi na Rua 7, também na Monte Horebe. Alessandro Tiago estava dormindo em uma rede. Com um fuzil os criminosos deram 4 tiros na cabeça da vítima. Um tiro de fuzil 762 e 3 tiros de pistola Ponto 40. Segundo os policiais militares que estavam no local, Alessandro Tiago já tinha passagem por tráfico de drogas.

A polícia acredita que as mortes têm relação com as brigas de facções criminosas. O Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção dos corpos de Wendell e Jonh Kevin por volta das 6h30 da manhã de hoje. O corpo de Alessandro Tiago só foi removido por volta de meio-dia. A polícia investiga o caso.

Corpo de idoso desaparecido após cair em igarapé é encontrado no Educandos

Corpo de idoso desaparecido após cair em igarapé é encontrado no Educandos

O corpo de Luiz Oliveira Pessoa, 69, foi encontrado por volta das 07h deste sábado. Ele estava desaparecido desde as 20h dasexta-feira (27) após cair em um igarapé, na rua Aluísio Brasil, no bairro Petrópolis, Zona Sul de Manaus, durante a chuva que atingiu a capital na última noite. Equipes do Corpo de Bombeiro Militar do Estado do Amazonas (CBMAM), iniciaram a busca pelo homem ainda nas primeiras horas deste sábado (28).

O idoso teria tropeçado quando passava pela ponte durante a chuva, que atingiu a capital desde a noite de sexta (27), e em seguida teria caído no igarapé, e foi levado pela correnteza.

De acordo com o  Corpo de Bombeiro Militar do Estado do Amazonas (CBMAM), as buscas iniciaram ainda nas proximidades da avenida Aluízio Brasil, porém, por conta da correnteza, foi mobilizado um maior contigente que passou a atender toda a extensão do igarapé, entre a avenida Tefé e a avenida Silves, no bairro Raiz.

Forte chuva
 

Durante a chuva de ontem (28), foram 20 chamados registrados pelo número 193, dos Bombeiros. Na maioria dos casos, não foram registradas vítimas, apenas danos materiais, de acordo com o CBMAM.

A Defesa Civil do Amazonas informa que está atendendo todas as solicitações,  e que mobilizou todos os servidores de Manaus para atender ocorrências na capital.

Trump confirma morte de filho e herdeiro de Osama bin Laden

Trump confirma morte de filho e herdeiro de Osama bin Laden

A Casa Branca confirmou, neste sábado, a morte do filho de Osama Bin Laden, Hamza Bin Laden, apontado como sucessor de seu pai na rede terrorista al-Qaeda. Ele foi abatido em uma operação de contraterrorismo realizda pelos Estados Unidos na região do Afeganistão/Paquistão”, disse o presidente americano, Donald Trump, em um comunicado.

“A perda de Hamza bin Ladin não apenas priva a Al-Qa’ida de importantes habilidades de liderança e a conexão simbólica com seu pai, mas prejudica importantes atividades operacionais do grupo”, diz o comunicado.

Hamza, que se acredita ter cerca de 30 anos, estava ao lado de seu pai no Afeganistão antes dos ataques de 11 de setembro de 2001 nos Estados Unidos. Ele também passou um tempo com seu pai no Paquistão após a invasão do Afeganistão liderada pelos EUA levar grande parte da liderança sênior da Al Qaeda para lá, de acordo com a Brookings Institution.

O Departamento de Estado dos EUA designou Hamza um terrorista global em 2017, depois que ele pediu atos de terrorismo nas capitais ocidentais e ameaçou se vingar dos Estados Unidos por matar seu pai.

José de Abreu faz piada com morte da filha de Glória Perez e autora responde nas redes sociais

José de Abreu faz piada com morte da filha de Glória Perez e autora responde nas redes sociais

Um desentendimento por conta de questões políticas fez o clima esquentar entre o ator José de Abreu e a novelista Glória Perez. O ator ironizou as preferências políticas da autora comparando-as com as de Guilherme de Pádua, assassino da filha da novelista veterana. 

“O Brasil está tão doido que vemos Guilherme de Pádua e Gloria Perez apoiando o mesmo espectro político. Que tempos”, escreveu o ator após Gloria Perez ter sido alvo de críticas por ter comentado o retorno de um perfil que defende Sérgio Moro na plataforma. 

Indignada com o comentário do artista, Gloria Perez se revoltou e respondeu: “Você é muito canalha! Não vou revidar lembrando sua tragédia pessoal. É block e mais nada”, disse a autora momentos antes de bloquear o perfil do ator.

Em seguida, Zé de Abreu se desculpou pelo comentário: “Gloria, eu fiz apenas uma constatação, não tive a intenção de magoar você, jamais faria isso. Se você se sentiu assim, desculpe”, concluiu ele.

Gloria Perez recebeu uma enxurrada de críticas na manhã de hoje, após comentar a volta da página ‘Pavão Misterioso’, que defende Sérgio Moro no Twitter. “Uau! O sábado começou animado, com a volta do pavão”, escreveu ela.

Justiça manda prender três envolvidos em morte de sargento da PM

Justiça manda prender três envolvidos em morte de sargento da PM

A Justiça do Amazonas decretou na manhã deste sábado (22), a prisão preventiva de três suspeitos de envolvimento na morte do sargento reformado da PM, Luís Carlos da Silva Castro, ocorrida na última quarta-feira (19), em Manaus. A decisão é da juíza do plantão criminal, Luciana da Eira Nasser, segundo o delegado plantonista da Dehs, Guilherme Antoniazzi.

A Polícia Civil pediu da Justiça durante a madrugada a prisão de Joelson Ferreira Soares, de 21 anos, Marcley Moraes de Souza, 20; e Charles Sanches Morais, após eles serem soltos em Audiência de Custódia realizada nessa sexta-feira, no Fórum Henoch Reis,

O plantonista da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), delegado Guilherme Antoniazzi, afirmou que a polícia deu uma resposta imediata para “uma decisão absurda” da Justiça.

“A Polícia Civil, rapidamente, após a liberação dos acusados em uma decisão absurda,  já representou pela prisão preventiva dos acusados dando uma resposta rápida para sociedade, assim como foi ontem na identificação e prisão dos infratores”, disse o delegado para a reportagem, após a decisão da Justiça.

Menção do presidente

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, utilizou as redes sociais na manhã deste sábado (22), para criticar e ironizar o fato dos três suspeitos de envolvimento no crime terem sido liberados em Audiência de Custódia.

Bolsonaro compartilhou um vídeo do caso no Facebook e afirmou que o filho dele, o deputado Eduardo Bolsonaro, apresentou em 2016 um PDC para sustar a Resolução do CNJ que criou as “Audiências”.

“Marginais que executaram o Sgt Luís Carlos da Silva Castro, da PM do Amazonas, com 10 tiros, sendo 8 nas costas, saem pela porta da frente da delegacia, após serem ouvidos em *Audiência de Custódia*”, disse o presidente.

Protestos na Venezuela já fizeram dois mortos e dezenas de feridos

Protestos na Venezuela já fizeram dois mortos e dezenas de feridos

Manifestação contra o governo de Nicolás Maduro, e para comemorar o Dia Primeiro de Maio, em Caracas.

Os protestos dessa quarta-feira (1º) na Venezuela levaram à morte de uma mulher, depois de, no dia anterior, ter morrido um jovem em Aragua. O segundo dia consecutivo de manifestações teria ainda deixado quase 50 pessoas feridas mas, de acordo com o Serviço Municipal de Saúde, todas estão fora de perigo. As manifestações poderão continuar hoje.

Jurubith Rausseo, de 27 anos, morreu numa clínica depois de ter sido atingida na cabeça por uma bala durante os protestos. A informação é da organização não governamental Observatório Venezuelano de Conflito Social.

Juan Guaidó confirmou essa morte em sua página no Twitter. “Comprometo-me a fazer com que a morte de Jurubith Rausseo, de apenas 27 anos, numa sala de cirurgia, pese a quem decidiu disparar contra um povo que decidiu ser livre”, afirmou.

“Isso tem de parar, e os assassinos terão de ser responsabilizados pelos seus crimes. Dedicarei a minha vida a que assim seja”, acrescentou o presidente interino do país.

Crise

A Venezuela vive enorme tensão política desde janeiro deste ano, quando Maduro tomou posse de um novo mandato que não é reconhecido pela oposição e por parte da comunidade internacional. Guaidó se autoproclamou presidente de um governo interino, que conta com o apoio de mais de 50 países.

Paralelamente, o país sul-americano vive a pior crise econômica de sua história, o que gera protestos diários para denunciar a escassez severa de alimentos e remédios e a péssima prestação de serviços públicos.

*Com informações da RTP (emissora pública de televisão de Portugal) e da Deutsche Welle (agência pública da Alemanha)

Enfermeiro é preso suspeito de estuprar criança dentro de hospital

Enfermeiro é preso suspeito de estuprar criança dentro de hospital

Um homem foi preso nesta quarta-feira (17), no município de Atalaia do Norte, interior do Amazonas, suspeito de estuprar uma criança de apenas cinco anos de idade, na última terça-feira (16). A criança teria sido violentada, não resistiu aos ferimentos e morreu. O principal suspeito de ter cometido o estupro que causou a morte da criança, seria o enfermeiro Jocelio Gomes Ferreira, de 29 anos.

De acordo com informações dos moradores do município, policiais civis foram acionados, por volta das 9h de quarta-feira (17), para investigar a morte de uma criança que teria sido vítima de estupro.

A menina faleceu por volta das 23h no Hospital São Sebastião. O suspeito do crime, Jocelio, foi encontrado escondido na casa da irmã, onde foi detido e encaminhado ao 51° Distrito Integrado de Polícia (DIP). A população revoltada ainda tentou invadir a delegacia para linchá-lo.

“Bom trabalho”, diz Bolsonaro após PM matar criminosos em São Paulo

“Bom trabalho”, diz Bolsonaro após PM matar criminosos em São Paulo

Presidente celebrou a execução de 11 assaltantes. Na mesma tendência, o deputado e filho Eduardo Bolsonaro comemorou a ação.

Brasília(DF), 20/11/2018 – Bolsonaro em visita de cortesia ao TCU, Tribunal de Contas da União. Jair Bolsonaro. Local: PGR. Foto: Igo Estrela/Metrópoles

 presidente Jair Bolsonaro (PSL) celebrou a execução de 11 assaltantes na manhã desta quinta-feira (4/4), após um violento assalto a dois bancos em Guararema, na região metropolitana de São Paulo. O pesselista ressaltou que apesar da reação policial, “nenhum inocente saiu ferido”.

O chefe do Palácio do Planalto usou o Twitter para parabenizar os PMs. “Parabéns aos policiais da ROTA (PM-SP) pela rápida e eficiente ação contra 25 bandidos fortemente armados e equipados que tentaram assaltar dois bancos na cidade de Guararema e ainda fizeram uma família refém. Onze bandidos foram mortos e nenhum inocente saiu ferido. Bom trabalho”, escreveu o presidente.

Na mesma tendência, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) também comemorou a ação policial. O parlamentar e filho do presidente disse que a “sociedade agradece” as mortes. “Parabéns ao policiais que, em Guararema-SP, defenderam a sociedade e anteciparam a ida de 11 assaltantes para o inferno, sendo que, no caso, os bandidos ainda fizeram uma família de refém! A sociedade agradece e bate palmas”, escreveu o deputado.

O presidente e o parlamentar não foram os únicos a comemorar a morte dos criminosos. Mais cedo, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que os policiais estavam de parabéns por colocar “no cemitério mais 10 bandidos”.

“Bandidos que usam escopeta, fuzis e metralhadoras não saem para passear. Saem para assaltar e fazer vítimas”, disse o governador. Doria adiantou que os agentes serão homenageados nos próximos dias por “defender o cidadão de bem, o patrimônio privado e público” contra os criminosos.

Entenda o caso
Na madrugada desta quinta-feira, durante uma tentativa de assalto a dois bancos na cidade de Guararema, no interior de São Paulo, 11 criminosos foram mortos por policiais militares.

De com a Polícia Civil, um grupo com cerca de 30 criminosos invadiu a cidade para roubar duas agências bancárias, uma do Banco do Brasil, que fica ao lado da delegacia, e outra do Santander. Não conseguiram, entretanto, levar o dinheiro.

O bando estava fortemente armado com fuzis e metralhadoras e carregava explosivos. Algumas dinamites chegaram a ser colocadas nos caixas eletrônicos, mas não foram detonadas. Houve troca de tiro entre os policiais. O bando já era monitorado há ao menos nove meses pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público Estadual e a Polícia Militar, conseguiu cercar os criminosos ainda durante a ação.

Na fuga, um dos criminosos invadiu um imóvel e fez uma família refém. Como não houve negociação e o homem optou por não se render, ele foi baleado e morreu. Até o início da manhã, a PM continuava em busca de outros suspeitos. As agências estavam interditadas por terem sido deixados explosivos em seu interior.

“Bandidos que usam escopeta, fuzis e metralhadoras não saem para passear. Saem para assaltar e fazer vítimas”, disse o governador. Doria adiantou que os agentes serão homenageados nos próximos dias por “defender o cidadão de bem, o patrimônio privado e público” contra os criminosos.

Veja as mensagens de Jair Bolsonaro e Eduardo Bolsonaro no Twitter:

Universitário cai de andaime em boate e morre; ‘selfie’ pode ter sido o motivo

Universitário cai de andaime em boate e morre; ‘selfie’ pode ter sido o motivo

Daniel Rubem, de 25 anos morreu após cair de um andaime em uma boate, da área nobre do Distrito Federal, no último sábado (30). Ele era estudante da UnB (Universidade de Brasília) e de acordo com relatos, ele teria escalado a estrutura para tirar uma selfie, se desequilibrou e caiu.

O acidente aconteceu por volta de seis horas da manhã. Segundo o boletim de ocorrência, o universitário foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital de Base ainda com vida. Devido a gravidade dos ferimentos e um possível traumatismo craniano, Daniel Rubem teve que ser entubado. ele não resistiu os ferimentos e morreu.

Em nota, a boate Yurb afirmou que o jovem recebeu assistência da equipe de segurança e brigadistas do local. Informou também que, fora do horário de funcionamento e após o fechamento dos portões da boate, Daniel teria escalado uma grade da estrutura da tenda de cobertura do espaço.

“Diante do fato, os seguranças e brigadistas do espaço prestaram imediata assistência ao rapaz, buscando mantê-lo em segurança até a chegada do Corpo de Bombeiros, acionado pelo estafe do local”, dizia um trecho da nota.

O caso está sendo investigado pela 1ª Delegacia de Polícia Civil, localizada na Asa Sul. Daniel também era modelo e atleta de escalada. 

Horas após a confirmação da morte do universitário, amigos e familiares prestaram as últimas homenagens nas redes sociais de Rubem. “Estou sem acreditar até agora. Daria tudo pra ter dado um abraço”, disse um amigo.

Nas redes sociais, Daniel costumava mostrar suas aventuras.

View this post on Instagram

Highline deu ruim, mas a diversão é garantida!

A post shared by Daniel Rubem (@danirubem) on